Mentor Contábil | Contabilidade no Tatuapé SP

Consultoria Contábil Especializada
para Sua Empresa

Ajudamos empresas e prestadores de serviços a solucionar questões tributárias, folha de pagamento, imposto de renda, análise e desempenho da contabilidade.

Dicas para avaliar à saúde de sua empresa

Neste artigo vamos ver algumas dicas para que você possa avaliar se sua empresa está com uma boa saúde financeira.

Faturamento

Você talvez pense que é muito óbvio acompanhar o faturamento de sua própria empresa, mas muitos empresários não dão o devido valor para o faturamento.

Esse indicador da empresa é muito útil para que possa ser feito comparações com as metas estabelecidas para o momento, descobrir se você precisa realizar estratégias ou não, e também buscar novos clientes para que sua empresa tenha o lucro esperado no final do mês e no final do ano.

Índice de endividamento

Esse índice é essencial para avaliar a saúde financeira de sua empresa, pois ela revela o quanto seus negócios utilizam de recursos próprios para que possa desenvolver suas atividades e o quanto é proveniente de empréstimos e também de financiamentos.

Para calculá-lo, é preciso buscar os ativos e os passivos no balanço patrimonial. Divide-se o total do passivo pelo total do ativo e depois se multiplica o resultado por 100. Dessa forma, é obtido o percentual do índice de endividamento de sua empresa.

Ticket Médio

Principalmente em empresas do setor varejista, este indicador refere-se ao valor médio de cada venda efetuada.

Para um gestor, este cálculo pode ajudar a identificar, seus melhores vendedores (caso seja calculado sobre cada um dos funcionário). Seu resultado ajuda a tomar decisões, indicando se há necessidade de adotar novas estratégias de marketing, reforçar a equipe de vendas, e vários outros aspectos.

Custo fixo

Os valores do custo fixo precisam ser preciso para que a saúde financeira da empresa seja avaliada com exatidão. Isso porque eles representam as despesas que não variam independente da situação financeira da sua empresa, ou seja, mesmo que o faturamento de sua empresa seja maior ou menor em um determinado mês.

Os custos fixos precisam ser estáveis, porque seu aumento pode interferir diretamente na lucratividade e tornar seu negócio inviável.

Prazos de recebimento

Se o faturamento estiver no caminho certo, ainda há algo a se pensar: o tempo necessário para que todo esse dinheiro realmente esteja disponível. Uma coisa é vender, e outra, bem diferente, é receber o valor correspondente da venda. A análise dos prazos de recebimento define se há uma demora fora do normal, ou aceitável para que a empresa receba pelo produto ou então do serviço comercializado.

Agora você já sabe como avaliar se sua empresa está com uma boa saúde financeira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *